Canais Globosat já são 2ª maior fonte de renda para Grupo Globo


Única empresa do país a nadar de braçadas na TV por assinatura, a Globo deve fechar este ano com mais de R$ 6 bilhões de faturamento só com seus canais Globosat, segundo dados exclusivos obtidos. Os mais de 30 canais da Globo presentes na TV fechada devem render pelo menos R$ 3 bilhões só em publicidade ao Grupo Globo em 2016. Outros R$ 3 bilhões virão do valor que as operadoras repassam anualmente à Globo como remuneração por cada canal Globosat incluso em pacotes de assinantes. R$ 6 bilhões equivalem a seis vezes o que o SBT fatura anualmente, ou três vezes mais do que a Record. São cerca de 12 faturamentos da Band.

O que mais surpreende no valor é que o que o Grupo Globo vem faturando com a TV paga já é praticamente o mesmo que a TV Globo --canal aberto- obtém anualmente. Além disso, em termos de conteúdo, os canais Globosat já produzem mais programas que a própria Globo. Muitos programas e artistas Globosat têm participado cada vez com mais frequência de programas da Globo aberta, num sinal de que, cada vez mais, essa fusão deve se aprofundar.

Detalhe: esse valor de R$ 6 bilhões não inclui faturamento com pay per view, Globo Internacional ou tampouco produtos exibidos na TV paga que também são comercializados em DVD.

COMO SE CHEGOU A ISSO
Para obter esse "monopólio" na TV por assinatura do Brasil, a Globo contou com o beneplácito e mesmo o apoio explícito das maiores operadoras, Net e Sky. É graças a esse apoio que a Globosat coloca vários novos canais todos os anos, absorvidos rapidamente no line-up das operadoras. A Globo não tem a menor dificuldade em lançar canais como Viva, Sportv 3 e 4, canal Bis, Off, +Globosat etc. Até a mesmo a localização dos canais Globosat no line-up costuma ser favorecida. Por exemplo, na Net, os canais mais importantes do grupo sempre estão próximos: canal 39 (SporTV), canal 40 (Globonews), 41 (GNT), 42 (Multishow)... e assim por diante. Não pensem que isso é uma mera coincidência. O problema é quando outra TV brasileira ou conglomerado internacional tentam entrar no cardápio das operadoras. Há sempre resistência (vide caso Fox Sports ou Esporte Interativo), quando não o veto completo: vide o caso do canal Food Network. Sim, vocês sabiam que esse canal, que por sinal é muito bacana e tem entre outras estrelas a fofa apresentadora Samantha Brown (ex-Discovery), já está no Brasil há mais de um ano? Só que ele só está disponível em operadoras minúsculas, ou no pacote mais caro da Sky. Já a Net está se fazendo de morta desde que a negociação começou. Conselho de colunista: pergunte para sua operadora por que você não recebeu até hoje o ótimo Food Network.

Canais Globosat já são 2ª maior fonte de renda para Grupo Globo Canais Globosat já são 2ª maior fonte de renda para Grupo Globo Reviewed by Notícias dos Famosos e da TV on 19:43:00 Rating: 5
Notícias dos Famosos e da Televisão. Tecnologia do Blogger.