UFC Londres: Spider perde para Bisping e chama árbitros de corruptos


Mais uma derrota no histórico do ex-campeão dos pesos médios do UFC, Anderson Silva. Na sua primeira luta após ser suspenso durante um ano da competição por doping, Anderson Silva perdeu por pontos para o britânico Michael Bisping na casa do adversário, em Londres, por decisão unânime dos juízes. A disputa entre os dois foi a luta principal do UFC Fight Night 84, neste sábado.

O jejum continua. Não foi desta vez que Anderson Silva voltou a vencer oficialmente no octógono do UFC e o tempo sem sentir o gosto do triunfo já passa de três anos. Depois de duas derrotas para Chris Weidman e um triunfo anulado diante de Nick Diaz, que culminou em um escândalo flagra no exame antidoping, o veterano de 40 anos foi superado por Michael Bisping no ginásio O2 Arena neste sábado (27) em duelo recheado de polêmicas.

O brasileiro, hoje com 40 anos, não ganha uma luta desde 2012. Sua última vitória na categoria dos médios foi em julho daquele ano, na defesa de cinturão contra Chael Sonnen. Desde então, passou por Stephen Bonnar entre os meio-pesados, perdeu duas vezes para Weidman e viu sua vitória sobre Nick Diaz ser convertida em luta sem resultado pelo caso de doping.

Ao final da luta todos os árbitros laterais não tiveram dificuldades em apontar o atleta dono da casa por decisão unânime. Deixando de lado toda a rivalidade da semana anterior à luta, Anderson e Bisping se abraçaram no centro do octógono e trocaram palavras cordiais e respeitosas. No entanto, ao pegar o microfone, o brasileiro não poupou críticas ao resultado. “Brasil, vocês viram,não tem o que dizer. A parada é a seguinte. Se não tem como vencer de um jeito, eles te tiram do outro. De vez em quando, é que nem no Brasil. Corrupção total”

Anderson Silva não concordou com o resultado e nem o presidente do UFC, Dana White. Logo após o confronto, ainda na arena, Dana declarou que, para ele, "Spider" venceu pelo menos três rounds do duelo. O inglês, apenas dois. Em entrevista publicada pela rede britânica BBC, o mandatário da organização também elogiou a atuação de Anderson. "Ele se apresentou realmente bem para um cara de 40 anos em luta de cinco rounds".

Confira os resultados do  UFC Londres
27 de fevereiro de 2016, em Londres (ING)

CARD PRINCIPAL
Michael Bisping venceu Anderson Silva por decisão unânime (triplo 48-47)
Gegard Mousasi venceu Thales Leites por decisão unânime (30-27, 29-28 e 30-27)
Tom Breese venceu Keita Nakamura por decisão unânime (30-27, 30-27 e 29-28)
Brad Pickett venceu Francisco Rivera por decisão dividida (29-28, 28-29 e 29-28)
CARD PRELIMINAR
Makwan Amirkhani venceu Mike Wilkinson por decisão unânime (29-28, 30-27 e 29-28)
Davey Grant venceu Marlon Vera por decisão unânime (triplo 30-26)
Scott Askham venceu Chris Dempsey por nocaute aos 4m45s do R1
Arnold Allen venceu Yaotzin Meza por decisão unânime (triplo 30-27)
Krzysztof Jotko venceu Brad Scott por decisão unânime (29-28, 30-27 e 29-28)
Rustam Khabilov venceu Norman Parke por decisão unânime (triplo 29-28)
Daniel Omielanczuk venceu Jarjis Danho por decisão técnica (29-29, 29-28 e 29-28)
Teemu Packalen venceu Thibault Gouti por finalização aos 24s do R1

David Teymur venceu Martin Svensson por nocaute técnico a 1m26s do R2

UFC Londres: Spider perde para Bisping e chama árbitros de corruptos UFC Londres: Spider perde para Bisping e chama árbitros de corruptos Reviewed by Notícias dos Famosos e da TV on 19:42:00 Rating: 5
Notícias dos Famosos e da Televisão. Tecnologia do Blogger.